PESQUISAR

123

Projeto Recicle e Ajude

A Associação Reaprender a Viver é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) e tem por objectivos prioritários, prestar apoio social aos jovens e demais público que se encontre em situação de carência, designadamente aos desempregados, toxicodependentes, vítimas de maus tratos, reclusos e ex-reclusos, imigrantes, famílias multiproblemáticas e a todos aqueles em vias e/ou de exclusão social, e o seu âmbito de acção abrange o concelho de Bragança.

Assim sendo, a nossa Instituição em parceria com a Fundação EDP criou o Projeto “ Recicle e Ajude” através do qual pretendemos melhorar a qualidade de vida, promover a inclusão, reintegração social e profissional dos toxicodependentes com a criação de um atelier onde se produzirão objetos, utilizando para o efeito materiais recicláveis tais como: (embalagens TetraPak, plásticos diversos, cortiça e tecidos).É também nosso desígnio tentar colmatar a falta de emprego e a fraca motivação das entidades empregadoras em contratar indivíduos com problemas de alcoolismo e toxicodependência, fomentando desta forma a iniciativa empreendedora dos nossos utentes, ainda que os mesmos estejam em processo de recuperação.

 Projeto Recicle e Ajude

A Associação Reaprender a Viver acolheu o Projeto “Recicle e Ajude”, resultante de uma parceria entre esta IPSS e a fundação EDP, com base numa preocupação ecológica e social.


A iniciativa pretende recolher e transformar materiais recicláveis, sendo os artigos confecionados, pelos utentes da instituição, escoados posteriormente para as empresas parceiras deste Projeto.


Trata-se de uma estratégia, no âmbito da sustentabilidade ambiental, que visa simultaneamente promover o espírito empreendedor da população toxicodependente, que frequenta o Atelier “Partilha de Saberes” da Associação Reaprender a Viver, bem como inserir em contexto de trabalho oito toxicodependentes.


Para o efeito, várias ações de sensibilização serão levadas a cabo, ao longo de 2013, junto do tecido empresarial bragançano, tendo em vista a inclusão do público-alvo.


Nome
E-Mail
Texto
ENVIAR